quinta-feira, 25 de setembro de 2014

real Disney


Olá!
Hoje decidi trazer-vos algo um pouco diferente. 
Como é comum na minha geração, tenho uma grande ligação com a Disney e com os filmes que de lá saem, sendo que já os vi várias vezes. Neste caso refiro-me aos filmes de animação mais antigos, como a Cinderela, a Bela e o Monstro, a Pequena Sereia, etc. 
Então e o que seria se a vida destas princesas, de quem toda a gente gosta, se passasse na vida real? A sua história teria continuado de que forma? É a estas questões que a fotógrafa Dina Goldstein dá resposta através do projecto Fallen Princessese é o que vos venho mostrar hoje aqui. 
Como sabem, os filmes da Disney têm o seu "e foram felizes para sempre" mas nestas fotografias a artista mostra-nos o que aconteceria depois desse final e, em alguns casos, o que seria da vida destas princesas se nunca o tivessem alcançado, tendo em conta os valores da nossa sociedade bem como os problemas que nos rodeiam. 
As "princesas" fotografadas são reconhecidas através da sua vestimenta característica do mundo Disney mas estão inseridas em áreas e locais bem diferentes daquilo a que nos habituámos a ver.

Ora vejam:

Comecemos pela Jasmine. Apesar de ter o seu adorado Aladdin  não tem descanso pois a guerra no médio oriente significa que ela tem que lutar pela sobrevivência e é dessa forma que ela é representada.
Dina Goldstein. 



Mostro-vos, agora, o que aconteceria com a Aurora, d' A Bela Adormecida. Como no nosso mundo real não é possível alguém ser acordado de um sono eterno, ao qual a Maléfica submeteu a princesa, vemos esta donzela na cama num lar de idosos acompanhada pelo seu príncipe que espera que a sua amada acorde.
Dina Goldstein.

A Pocahontas continua no seu ambiente natural, e por no filme da Disney ser a maior defensora dos animais é retratada como uma daquelas senhoras que têm muitos gatos para fazer companhia.
Dina Goldstein.

A Capuchinho Vermelho é retratada como uma menina obesa, carregando um cesto só com produtos do Mc. Donald's, mostrando um dos problemas mais graves da nossa sociedade. 
Dina Goldstein.

 Tendo em atenção a grande caça que há às várias espécies animais, incluindo as marinhas, Dina Goldstein represente Ariel como sendo agora um ser preso num aquário em vez de uma sereia livre pelo mar.
Dina Goldstein.

A Cinderela é um dos casos onde um príncipe ainda não surgiu e por isso, nesta série fotográfica, ela refugia-se em bares para beber até esquecer que continua a ser uma princesa que ainda não encontrou o verdadeiro amor.
Dina Goldstein.

 A Bela, d' A Bela e o Monstro, tem o enorme receio de envelhecer e por isso sujeita-se a variadas cirurgias para conseguir sempre parecer mais nova.
Dina Goldstein.

Neste mundo de hipóteses deixaríamos de ouvir "Rapunzel lança o teu cabelo", pois a princesa conhecida pela sua longa trança, perde o cabelo após descobrir que tem cancro.
Dina Goldstein.

A Branca de Neve, por sua vez, é uma dona de casa que luta para conseguir manter uma família unida, tomar conta dos seus filhos e lidar com um marido que não consegue encontrar trabalho.
Dina Goldstein.

 A Princesa Ervilha, muitas vezes esquecida, não foi deixada de fora e é mostrada numa lixeira em cima do seu habitual amontoado de colchões.
Dina Goldstein.


Como podem ver são imagens que podem chocar um pouco mas que remetem apenas para assuntos que nos rodeiam diariamente.
Para além de Dina Goldstein há mais artistas que tiveram em conta a vida das princesas no mundo real, o que lhes aconteceria após o "e foram felizes para sempre" e também relacioná-las a todas com uma só problemática. Pretendo trazer-vos também essas imagens, por isso aguardem, pois eu penso que vale a pena vê-las não só como uma forma de percepção do mundo mas também para aprender a lidar com alguns casos.
O que acharam? Já conheciam estas imagens?




Lena ♥



©Helena Pereira, real Disney, 2014 All Rights Reserved.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Thank you for passing by and commenting on my blog!
I answer when I see the comments.
xx